UTAD sobe no Ranking Mundial das Universidades Sustentáveis

Foram tornados públicos, esta quarta-feira, 21 de abril, os resultados do The Times Higher Education Impact Ranking. A UTAD obteve 77.8 pontos em 100, ascendendo ao intervalo 101-200 entre as 1115 Instituições de Ensino Superior (IES) avaliadas a nível mundial.

O The Times Higher Education Impact Ranking mede o sucesso das IES no cumprimento dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) das Nações Unidas.

No caso da UTAD, esta avaliação reflete os quatro melhores resultados obtidos, a saber no ODS2 (Fome Zero e Agricultura Sustentável); no ODS7 (Energia Limpa e Acessível); no ODS15 (Vida Terrestre) e no ODS17 (Parcerias e Meios de Implementação).

Destaca-se o facto de, no ODS17, a UTAD ter ficado na 55ª posição em 1154 IES e no ODS2 ter ficado na 46ª posição em 442 IES.

Neste Ranking participaram 11 universidades portuguesas, entre estas a UTAD ocupa a 3ª posição nacional, com as Universidades do Algarve, Minho e Aveiro no intervalo 101-200, e as universidades de Coimbra e Nova de Lisboa os 1º e 2º lugares, respetivamente, no mesmo intervalo.

Salienta-se ainda que, apesar de em 2021 ter aumentado o número de universidades participantes, a UTAD subiu um intervalo de classificação, já que, no ano anterior, tinha integrado o intervalo 200-300.

Este ranking é o único instrumento mundial de avaliação destes compromissos pelas IES e considera a forma como contribuem a investigação, o ensino, a gestão das instituições e o impacto na sociedade para o alcance dos ODS.

Fontainhas Fernandes, reitor da UTAD, considera que estes resultados “refletem o esforço e trabalho da Academia na melhoria continua e no contributo para os 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável das Nações Unidas”.

Menu