UTAD continua a apostar em estratégias de eficiência energética

A UTAD está a preparar novos projetos para 2020 na área da sustentabilidade ambiental.

No próximo ano o Campus da UTAD vai estar aberto não só à comunidade universitária, mas vai permitir que os vila-realenses possam também usufruir das potencialidades ambientais e paisagísticas da universidade como por exemplo o Jardim Biológico. No Campus estão a ser criados vários trilhos para contacto com a natureza.

O Reitor Fontainhas Fernandes lembrar este projeto na celebração do dia VERDE integrado na Semana da Ciência e da Tecnológica que está a decorrer na academia transmontana.

O reitor referiu que em 2020 o Campus vai estar ligado por uma ciclovia à cidade.

A UTAD está a tornar-se cada vez mais um Campus Verde com a substituição do atual sistema elétrico por lâmpadas Led prevendo-se uma redução de 70% das emissões de carbono e de 50% da fatura da energia bruta.  Para o Reitor estão assim a ser dados passos importantes para o objetivo proposto de redução das emissões carbónicas até à emissão zero em 2030.

Este projeto de descarbonizar o Campus da UTAD implica um investimento de três milhões de euros financiado pelo Programa Operacional de Sustentabilidade e Eficiência no Uso dos Recursos.

Foto de João Carrola

Menu