PSD questionou Governo sobre o reforço do financiamento às universidades e politécnicos

Os deputados do PSD na Assembleia da República consideram que o “Governo não está a fazer o esforço necessário para poder compensar as instituições e sobretudo combater a pandemia”.

Os parlamentares sociais democratas questionaram o Ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Manuel Heitor, sobre o financiamento das universidades, em especial a UTAD e aos politécnicos.

Luís Ramos, deputado eleito pelo círculo de Vila Real, lembra que a UTAD “despendeu muito mais do que estava previsto no seu orçamento “para a aquisição de equipamentos e recursos tecnológicos adicionais para garantir o funcionamento das atividades letivas.” Despesas que o deputado diz representarem valores muito significativos no orçamento da Universidade, e por isso quer saber se o Governo vai reforçar as dotações para a UTAD e qual o valor. Luís Ramos diz ainda que o Governo “está a gastar muito menos do que tinha proposto no Orçamento Suplementar em meados do ano passado.”

Os deputados do PSD mostram-se preocupados porque os cortes no investimento público provocam sérias dificuldades à UTAD.

O custo acrescido que as instituições de ensino superior, em especial a UTAD, têm tido no âmbito da pandemia vai na opinião dos deputados do PSD agravar a situação financeira das universidades, criando obstáculos ao seu normal funcionamento.

Para os deputados do PSD no total são 10 as instituições, universidades e politécnicos, que estão a sentir o impacto da pandemia nos seus orçamentos.

Menu