Nasceu a Federação Portuguesa do Caminho de Santiago

A Federação Portuguesa do Caminho de Santiago surgiu através de um protocolo que envolve 36 entidades nacionais entre municípios e associações e empresas privadas, e a assinatura decorreu em Pedras Salgadas, no concelho de Vila Pouca de Aguiar.

Esta Federação visa gerir e dinamizar os caminhos de Santiago em território nacional, tendo em atenção a sinalética no percurso do caminho interior e simultaneamente criar mecanismos que fomentem o turismo, como refere o presidente da câmara de Vila Pouca de Aguiar,  Alberto Machado.

O presidente da Entidade Regional de Turismo do Porto e Norte de Portugal, Luís Pedro Martins, realça a importância destes caminhos para o turismo na região.

O  Município de Vila Pouca de Aguiar preside à primeira direção da Federação Portuguesa do Caminho de Santiago, havendo  mais entidades que querem aderir a este novo organismo  estando  a ultimar os respetivos processos administrativos.

Menu