Fraunhofer Portugal premiou trabalho de doutoramento de Luís Pádua, da UTAD

A 12ª edição do Concurso de Ideias Fraunhofer Portugal Challenge premiou as melhores ideias baseadas em teses de mestrado e doutoramento, sendo que Luís Pádua da UTAD ficou em segundo lugar na categoria de doutoramento.

Manuel Monteiro, da Fraunhofer Portugal, salienta que os objetivos deste concurso são identificar e promover as ideias do mundo académico português.

A Fraunhofer Portugal já atribuiu, nestas 12 edições, cerca de 100 mil euros em prémios, um estímulo para a “excelência da investigação  com aplicabilidade na sociedade.”

O trabalho de Luís Pádua obteve o segundo lugar na categoria de doutoramento, o investigador do departamento de engenharias da UTAD diz ser uma “honra” ter ganho este prémio, sendo um incentivo para continuar a aprofundar a sua investigação.

A tese de doutoramento de Luís Pádua consiste em aplicar metodologias tecnológicas inovadoras para ajudar a sustentabilidade da agricultura em especial das vinhas e dos soutos.

Um trabalho que vai supervisionar as culturas a nível de problemas fitossanitários e ainda do stress hídrico que poderá ser aproveitado não só em Trás os Montes e Alto Douro como em todo o país, contribuindo para a melhoria da produção agrícola.

A Fraunhofer Portugal diz que “foram premiadas as ideias tecnológicas mais inovadoras” que podem contribuir para a investigação aplicada de utilidade prática na sustentabilidade ambiental.

Menu