Ex-emigrante morre após deslizamento de terras em Mondim de Basto

Notícias, Região

Um homem de 60 anos morreu esta segunda-feira em Mondim de Basto, no distrito de Vila Real, na sequência de um deslizamento de terras junto a uma obra onde trabalhava, adiantou à Lusa fonte dos bombeiros.

A vítima foi identificada como Joaquim Meireles Machado, de 60 anos. Era natural da freguesia de Travassos, onde ocorreu o acidente, mas residia no centro da vila de Mondim de Basto após anos de emigração na Suíça.

Uma equipa de psicólogos do INEM esteve em Mondim, em casa da família da vítima a acompanhar a esposa e a filha do casal, maior de idade.

A GNR de Mondim de Basto esteve no local e o acidente foi comunicado à Autoridade para as Condições de Trabalho

Segundo o comandante dos Bombeiros Voluntários de Mondim de Basto, Carlos Magalhães, a vítima estava a trabalhar numa obra de reabilitação de um muro quando foi “surpreendido por um deslizamento de terras”.

Após ter ficado “parcialmente soterrado”, entrou em paragem cardiorrespiratória e, apesar das tentativas de reanimação, o óbito foi declarado no local pelo médico da equipa do Veículo Médico de Emergência e Reanimação (VMER) de Vila Real, acrescentou.

O alerta para o acidente, na localidade de Travassos, aconteceu por volta das 15.15 horas e no local estiveram ainda os Bombeiros de Mondim de Basto, com cinco operacionais apoiados por duas viaturas.

Menu