CRUP aprova aumento de vagas

O Conselho de Reitores das Universidades Portuguesas aprovou a proposta do Governo de aumentar o número de vagas para o próximo ano.

O Conselho de Reitores das Universidades Portuguesas – CRUP aprovou a proposta do Governo de aumentar o número de vagas para o próximo ano.

Em 2018 registou-se um corte de 5% de vagas nas Universidades de Lisboa e Porto, ou seja, menos mil e cem vagas, uma medida do Governo que pretendeu levar os alunos a inscreverem-se nas universidades fora dos grandes centros. Este ano a proposta é que os cursos com médias de ingresso superiores a 17 valores possam aumentar as vagas. Os reitores defendem que o aumento de vagas nos cursos mais procurados não seja limitada a Lisboa e Porto.

Fontainhas Fernandes, presidente do CRUP e Reitor da UTAD, diz que a proposta deste ano “contém princípios que permitem uma melhor racionalização da oferta educativa”, sendo necessário que as Instituições consigam reorientar a sua oferta para uma estratégia de especialização sem esquecer a coesão territorial.

O CRUP considera que é preciso alargar o número de alunos no Ensino Superior, uma vez que o país tem ainda um grande défice de qualificação. 

No parecer divulgado ontem, os reitores defendem que deve ser igualmente revisto o número máximo de ciclos de estudo, “prevendo a possibilidade do seu aumento, em articulação com a estratégia da instituição, condicionada à natureza inovadora e não redundante dos novos cursos e ao não aumento de vagas”   

A primeira fase de acesso ao ensino superior realiza-se de 17 de julho a 6 de agosto, com as colocações a serem divulgadas a 9 de setembro.

Menu