Covid-19: Aumento de casos positivos no distrito obriga reforço de estruturas de Proteção Civil

A Comissão Distrital de Proteção Civil de Vila Real mostra-se extremamente preocupada com o  aumento do número de casos positivos de Covid-19 no distrito de Vila Real, sendo o distrito que tem maior taxa de incidência de casos na região norte.

Uma situação que leva a mobilização de meios e recursos para fazer face a este momento difícil.

Assim, foi aprovado o regulamento de funcionamento da Estrutura de Apoio de Retaguarda (EAR) do Distrito de Vila Real, instalada na Pousada da Juventude de Alijó, cujo pessoal médico será disponibilizado pelo ACES Douro Norte e o pessoal auxiliar pela Segurança Social, cabendo à Comissão Distrital de Proteção Civil assegurar todas as outras despesas de funcionamento das instalações.

Fernando Queiroga, presidente da Comissão Distrital da Proteção Civil de Vila Real, refere que a taxa de positividade dos concelhos do distrito aumentou consideravelmente.

O atraso na informação por parte das autoridades de Saúde, quer aos utentes quer as autoridades, continua a preocupar a Comissão Distrital  de Proteção Civil  de Vila Real que lamenta ainda que os bombeiros não estejam no primeiro plano de vacinação contra a covid-19.

Com a vigência do Estado de Emergência e o previsível aumento das restrições e um possível regresso ao confinamento geral, a Comissão Distrital de Proteção Civil está a acompanhar de perto o evoluir da situação, mantendo-se em estado de prontidão para fazer face às necessidades e adotar as medidas que venham a justificar-se para assegurar o auxílio da população.

Menu