Bloco de Esquerda Vila Real preocupado com início ano letivo na UTAD

O Bloco de Esquerda de Vila Real reuniu ontem com a Reitoria da UTAD a fim de conhecer que medidas que a universidade está a implementar para que o início do ano letivo cumpra as regras emanadas da Direção Geral de Saúde – DGS.

Rui Cortes, do Bloco de Esquerda considera que algumas das medidas já deveriam ter sido tomadas nomeadamente a distribuição de sinalética pelas várias escolas.

Rui Cortes lembra que deverão ser tomadas medidas preventivas para que as aulas presenciais decorram com segurança.

O Bloco de Esquerda está também preocupado com a oferta dos serviços sociais da UTAD, o partido lembra que a universidade transmontana é uma das que tem mais alunos deslocados.

Artur Cristóvão, vice-reitor da UTAD, refere que está tudo a ser preparado para receber os estudantes com segurança, informando que está a ser elaborado um manual de boas práticas.

O vice-reitor sublinhou o trabalho que está a ser elaborado em articulação com a Escola Superior de Saúde no sentido de serem estabelecidas todas as normas a serem aplicadas no Campus, para serem cumpridas as regras da Direção Geral de Saúde.

As aulas na UTAD começam na próxima semana.

Menu