BCVR vence o líder FC Porto e persegue a liderança na CNB2

O Basket Club de Vila Real (BCVR) começou finalmente a engrenar o seu jogo coletivo e deu sinais inequívocos da qualidade desse trabalho, ao derrotar o FC do Porto/Sub-23, líder do Grupo C Norte do Campeonato Nacional da 2.ª Divisão (CNB2), por expressivos 76-64.

O BCVR conta nesta época de 2021/22 com uma equipa renovada, com jogadores muito jovens (a esmagadora maioria sub-23), formados essencialmente no clube e tendo ainda um reforço de peso (Rodrigo Lima, atleta da formação do BCVR e da Seleção Nacional, com passagem na Liga principal do país), que regressou a casa e juntou-se assim a outros valores formados no Clube.

Entraram bem os Lobos. Revelando uma evolução muito acentuada do seu jogo coletivo e concentrados defensivamente, o BCVR soube conter o ímpeto inicial dos Dragões e o jogo manteve-se equilibrado no marcador. No final da primeira parte, uma vantagem pontual de 6 pontos dava conta desse equilíbrio (37-31).

No início da segunda parte, o cariz do jogo alterou-se. Os Lobos entraram muito fortes no terceiro período e conseguiram aumentar vantagem pontual para 14 pontos, o que deu maior conforto para a abordagem ao último período do encontro.

Vitória justa dos Lobos, que desta forma conseguiram ascender ao segundo lugar do grupo, a um ponto do líder, que continua a ser o FC do Porto. Contudo, os Lobos têm um jogo a menos disputado, o que deixa em aberto a luta pela liderança do Grupo.

Destaque para todo o coletivo, que assumiram as suas responsabilidades quando chamados ao jogo. Individualmente, destaque para Pedro Carvalhal (20 pontos e 3 assistências), Rodrigo Vilela (20 pontos e 3 ressaltos), Miguel Vilela (11 pontos e 9 ressaltos) e Rodrigo Lima (13 pontos, 3 ressaltos e 3 roubos de bola).

O público também deu o ar de sua graça no Pavilhão dos Desportos de Vila Real. Com um recinto a abarrotar (506 assistentes), apoiou incessantemente o BCVR e constituiu uma moldura humana mais significativa do que em muitos jogos de futebol, numa noite fria de inverno. Estes são apenas alguns dos sinais reveladores da vitalidade do basquetebol em Vila Real.

Resultados do Fim de semana desportivo

Para além dos Seniores, várias equipas do BCVR estiveram em competição no fim de semana. A Equipa de Iniciadas (Sub-14) continua a manter o seu percurso vitorioso no Campeonato Regional, com nova vitória retumbante diante do Mirandela BC. No escalão de Cadetes Masculinos (Sub-16), o BCVR deixou escapar a possibilidade de assegurar desde já o título regional e a respetiva vaga no Campeonato Nacional, com a derrota sofrida em Vila Pouca de Aguiar. Por último, uma nota para a primeira participação do BCVR nas concentrações de Minibasquete, realizada em Vila Pouca de Aguiar. Um início sempre saudado pelo Clube, que representa a renovação e o futuro da modalidade. Os resultados da jornada são os seguintes:

SC Vasco da Gama5633BCVRSeniores Femininos | Campeonato Nacional da 2ª Divisão
CTM Vila Pouca de Aguiar020BCVRSub-14 Masculinos/Campeonato Regional
BCVR13502Mirandela BCSub-14 Femininos/Campeonato Regional
CTM Vila Pouca de Aguiar6966BCVRSub-16 Masculinos/Campeonato Regional

Na próxima jornada, destaque

Alcateia em festa!

BCVR completou 26 anos no passado dia 28 de novembro

O Basket Club de Vila Real assinala com grande alegria o seu 26.º aniversário. Dadas as condições de pandemia e ao calendário desportivo, o Clube decidiu não realizar nenhuma atividade festiva. Importa sobretudo afirmar os valores formativos desta coletividade, que continua a dedicar a sua atividade à formação de jovens, com uma clara orientação para a prática desportiva do basquetebol.

Neste dia tão especial para a Alcateia, o Clube recorda o esforço e dedicação de atletas, treinadores e dirigentes, do passado e do presente, que assumem a sua paixão pelo basquetebol e que “vestem a camisola” do BCVR. Um agradecimento também a todas as instituições que nos apoiam nesse percurso cheio de honra e glória: a Câmara Municipal de Vila Real, o Instituto Português do Desporto e da Juventude e as Juntas de Freguesia de Vila Real e de Lordelo, esta última um parceiro recente. Uma referência para a comunicação social local, que tem vindo a apoiar a divulgação das atividades do Clube, bem como uma palavra final para todos os encarregados de educação, que ao longo destes 26 anos acreditaram no nosso projeto e na formação desportiva nesta fantástica modalidade, um bem essencial para todos os jovens.

CI BCVR

Menu